Apesar do fato de que todas as pessoas têm níveis diferentes de inteligência, todos podem, pelo menos, passar em todas as matérias. O conceito é muito simples e fácil de seguir. Desde alunos nos níveis mais básicos da educação até alunos de cursos superiores, as dicas aqui presentes funcionam para que todos evitem provas de recuperação, provas finais e até repetir o ano ou uma matéria.

O começo é até bem simples de seguir: não tirar zeros em qualquer dever de casa. Isso com certeza vai demolir a sua nota em vários pontos da classe. Faça todos eles e se esforce para dar o melhor de você, nunca deixando para última hora. Faça o dever no mesmo momento em que o professor entregá-lo. Isso também nos leva ao segundo ponto, que consiste em ser pontual na entrega de trabalhos. Quanto mais cedo você entregar, mais chances são de que o professor faça uma revisão do trabalho e você ainda tenha a oportunidade de corrigi-lo antes de entregar a versão final, aumentando suas notas sem precisar de estudar demais por isso.

É mais importante prestar atenção à quantidade de pontos recebidos em cada trabalho. Mesmo se você receber um 70, que é a média mais comum, pode ser que a soma de todos não dê um valor suficiente para que você passe. Portanto, é sempre bom você saber por quê recebeu a nota e no que melhorar, antes de seguir em frente e continuar com o mesmo problema de aprendizado, que pode te prejudicar no futuro e te levar para a recuperação.

Paciência para estudar

Sabemos que muitas vezes, estudar pode parecer chato. Porém, quanto mais você se dedicar, mais tempo livre vai ter para as coisas que realmente gosta de fazer! (Foto: www.teens180.com)

Considere as suas opções se você se esquecer de uma tarefa ou se ela não estiver totalmente concluída. Converse com o professor e pergunte-o se é possível entregar a tarefa em outro momento, explicando os motivos do atraso. Nem todo professor irá aceitar as desculpas, por isso, lembramos da importância de começar os trabalhos e deveres de casa o quanto antes, para prevenir tais problemas.

Se você tem acesso a monitorias ou aulas particulares, faça quantas forem precisas, principalmente nas matérias em que tem mais dificuldade. A internet também é sua amiga, com muitas dicas para o aprendizado, além de tutoriais que irão te ajudar muito a aprender de forma mais fácil. Importante lembrar aqui que você nunca deve estudar apenas para uma prova, mas sim, estudar todos os dias um pouco para conseguir aprender e não esquecer mais a matéria, onde técnicas de memorização poderão te ajudar a aprender melhor.

Não fique com preguiça e deixe suas notas caírem no final do ano, período ou bimestres. Seja tão consistente quanto você possivelmente pode. Isso vai fazer a sua vida muito mais simples, a longo prazo. Quando cansado, tire um tempinho para descansar e se divertir. O cansaço pode aparecer quando você estiver se esforçando demais. Portanto, vá com mais calma, sem desespero.

Aprenda que o estudo depende de uma dedicação diária, concentração e organização. Se você viver uma vida desregrada, dificilmente conseguirá escapar de uma recuperação e até de uma reprovação. É difícil e cansativo no começo. Mas com o tempo, vai ficando mais fácil e quando você ver o tempo livre que terá todos os dias por se dedicar organizadamente para os estudos, vai sentir a recompensa na pele.