Antes de dar motivos para você escolher o Linux ao invés dos mais conhecidos Mac OS e Windows, eu acho válido fazer um comparativo imparcial entre estes três sistemas operacionais. Tenha em mente que existem muitos outros sistemas operacionais, mas não vou analisar cada um deles por causa de sua participação de mercado muito pequena. Vale lembrar também que não estou levando em consideração os sistemas operacionais de aparelhos móveis como a maior parte dos tablets (Android/iOS) e Smartphones).

Vamos começar com o mais popular : Windows

Com quase 90% da quota de mercado de sistemas operacionais, você não pode perder o Windows. Ele está em edifícios comerciais  instalações industriais, bem como os computadores domésticos . Introduzido primeiramente em 1985, é uma peça muito madura e completa de software. No entanto, ele tem as suas falhas.

Prós

  • Compatibilidade: quase todas as aplicações, drivers ou jogos irão funcionar no Windows;
  • Suporte técnico: por ter tantos usuários, você pode sempre encontrar alguém (seja online ou offline), que pode ajudá-lo com o Windows;
  • Enorme quantidade de funções: quando você começa a conhecer bem o Windows, você vai descobrir que existem tantas funções que você pode fazer quase qualquer coisa com bastante facilidade.

Contras

  • Vírus: você pode precisar comprar um programa antivírus, embora existam os gratuitos, porque o Windows é também o sistema operacional mais vulnerável;
  • Lento: Windows , especialmente o Vista e o 7, requerem uma grande quantidade de recursos do computador (memória, processador, espaço em disco) e, portanto, fica mais lento;
  • Preço: o sistema operacional custa facilmente mais de cem dólares.

Outra popular opção: Mac OS

Macintosh OS da Apple é ainda mais antigo do que o Windows. É o primeiro sistema operacional gráfico bem sucedido, sendo lançado um ano antes do Windows.

Prós

  • Vírus: Apple Macs tem quase nenhum vírus. Isto é principalmente devido à quota de mercado superior do Windows;
  • Confiabilidade: Macs só rodam em computadores da Apple, e são, portanto, menos propenso a problemas de hardware;
  • Aparência: na maioria das vezes, Mac tem melhor aparência do que o Windows.

Contras

  • Caro: Mac custa bem mais do que o Windows;
  • Disponível apenas em computadores Apple: se você já tem um computador, você não pode instalar o Mac nele a menos que seja um Apple. Caso contrário, você deve comprar um novo computador. Porém, você pode instalar Windows em um computador Mac;
  • Compatibilidade: apenas alguns programas são executados em Mac e na grande maioria, são programas de nível profissional e quase sem jogos.

O menos popular, mas que tem ganho uma fiel clientela: Linux

Linus é gratuito! Você pode baixar, modificar e redistribuir sem gastar um centavo. Linux é um jogador mais jovem no mundo dos sistemas operacionais, sendo criado em 1991 mas otimizado para o uso moderno (bem, mais do que o Windows e Mac). Infelizmente, ele tem algumas desvantagens também.

Prós

  • Preço: Linux é gratuito. Você pode baixá-lo, instalá-lo, usá-lo, modificá-lo sem custo algum;
  • Variedade: Linux não é um sistema operacional completo. É apenas um kernel (código base). Para usar o kernel, software adicional precisa ser empacotado com Linux. Várias centenas destes pacotes (chamados de “distribuições” do Linux) existem. Os mais populares incluem o Ubuntu, Mint e Fedora. A coisa boa é que, com tantos sabores diferentes de Linux, há sempre um para atender às suas necessidades;
  • Vírus: apesar de ser mais vulnerável aos vírus do que um Mac, o Linux ainda tem poucos vírus.

Contras

  • Complicado: apesar de algumas distribuições serem muito fáceis de usar, a maioria delas vai exigir uma boa dose de conhecimento de informática, a fim de levá-los para um bom trabalho;
  • Compatibilidade: Como o Mac, o Linux representa apenas uma pequena percentagem da quota de mercado e não tem tantos programas e jogos como o Windows;
  • Fornecedores: você não vai encontrar um monte de vendedores que vendem computadores com Linux. Normalmente, você vai acabar tendo que comprar computador com Windows, reformatar o disco rígido e instalar o Linux sozinho.
Escolhendo um sistema operacional

Seja qual opção que você escolher, cada uma tem seus prós e contras que podem pesar bem para o uso que você dará ao seu computador. (Foto: laguiadedanny.wordpress.com)

Ponto de partida

Em conclusão, nenhum sistema operacional é realmente melhor, a escolha é sua. Se você é um gamer, então você não tem escolha, vá para Windows. Os programadores podem preferir Linux e produtores de vídeo/som provavelmente tenderão para um Mac. A melhor coisa a fazer é, provavelmente, tentar cada OS e ver o que é melhor para você.

Mas espere. Nosso título fala sobre trocar o Windows e o Mac OS pelo Linux. Por que então a sugestão?

Por que trocar o Windows e o Mac OS pelo Linux?

GNU é um poderoso sistema estável, flexível e que respeita a privacidade dos usuários e promove a liberdade .

Como qualquer especialista em informática pode dizer, a grande maioria dos PCs executa alguma versão do sistema operacional Microsoft Windows ou Mac OS X da Apple. GNU (usualmente chamado de ” Linux ” ou , alternativamente, “GNU / Linux”) tem menos do que 2 % do mercado. Muitos usuários do Windows estão contentes com o seu sistema operacional e, com a ascensão da computação móvel (e uma correspondente diminuição em uso dos desktops), a maioria deles não pode pensar em boas razões para mudar de sistemas operacionais.

Mas 5 razões podem ser a motivação que você precisa para instalar uma distribuição Linux no seu computador.

Estabilidade e segurança

Com suas raízes na concepção sólida do Unix, GNU é impressionantemente estável. Programas raramente falham e quando o fazem é geralmente uma simples questão de alguns cliques do mouse (ou teclas ) para resolver o problema. Além disso, a atualização do sistema e/ou aplicações é fácil e quase nunca é necessário reiniciar depois que você fez uma mudança em algum aplicativo.

Por causa de escolhas de design, na maioria dos casos, é quase impossível que um malware se instale. Isso faz com que o software antivírus e suas dificuldades concomitantes se tornem desnecessários. O Linux também protege os usuários contra roubo de identidade através de trojans e salva os usuários muito tempo por não ter que re-instalar e atualizar o sistema a cada poucos meses.

Potência

GNU é um poderoso sistema operacional que não esconde as partes internas do sistema do usuário. Usuários que o escolhem podem permanecem ignorantes da complexidade do sistema, mas aqueles que desejam explorar o sistema e liberar seu poder são livres para fazê-lo em uma variedade de formas: eles podem usar a programação para fazer o sistema executar exatamente o que eles querem, além de terem acesso ao código fonte do sistema, obrigando o sistema a fazer exatamente o que eles querem.

Privacidade

Com as recentes revelações da espionagem norte americana, é bom saber que por causa do livre acesso ao código-fonte do Linux pode reduzir drasticamente a chance de a existência do monitoramento do comportamento dos usuários.

Custo

GNU está disponível gratuitamente na web. A maioria das distribuições tem aplicativos fáceis de usar que tornam a instalação ou atualização tão automática quanto um piscar de olhos. Não ter que desembolsar centenas de dólares a cada vez que você quiser atualizar o seu sistema ou qualquer de suas aplicações é notavelmente refrescante. Mais ainda, o Linux raramente deixa seu computador lento com o tempo, ao contrário dos seus companheiros na competição, já que o interesse é que você sempre compre hardware novo.

Liberdade

GNU respeita a sua liberdade. A Licença Pública Geral GNU garante os seus direitos de usar o computador da maneira que achar melhor. Ele também assegura que o seu direito para fazer as alterações que gostaria no software e compartilhar essas alterações com os outros.

E aí, convencido? Por que então não testa o Linux e vê se gosta? Talvez você nunca mais volte para outros sistemas operacionais depois dessa experiência.