A aprendizagem de uma nova língua não é nada fácil. Você está lidando com quatro habilidades separadas, ligadas entre si: leitura, escrita, escuta e fala que, por sua vez, estão ligadas a milhares de fatos separados, mas vinculados, como regras gramaticais, palavras de vocabulário, regras de pronúncia, etc. Com o espanhol, não é diferente, e quem quer aprender a falar espanhol deve seguir os mesmos passos que todas as outras pessoas que estão aprendendo uma segunda língua por conta própria.

Aprender a falar espanhol: comece com a pronúncia

O maior desafio na aprendizagem de uma língua estrangeira é o desafio da memória. Com milhares de palavras e regras de gramática para lembrar, você precisa de toda a ajuda que você possa conseguir para reter o que você aprender. é aqui que o foco na pronúncia se encaixa melhor. Se você olhar na ciência da memória, você descobrirá que é muito mais difícil recordar as palavras que você não pode pronunciar bem. E uma das razões pelas quais as línguas estrangeiras podem ser complicadas é que elas estão cheias de palavras difíceis de pronunciar e difíceis de memorizar. Você pode eliminar esse desafio treinando seus ouvidos desde o início. Você também terá uma série de vantagens secundárias ao fazer isso, como uma melhor compreensão auditiva, uma fala melhor, aquisição de vocabulário mais rápido e falantes nativos que continuarão a falar com você em espanhol, ao invés de tentar falar o português ou uma outra língua na qual você seja fluente, como o inglês.

Aprender a pronúncia precisa do espanhol envolve dois passos principais. Primeiro, você precisa treinar seus ouvidos para ouvir os novos sons em espanhol e segundo, você precisará treinar sua boca para pronunciar esses sons. Para o primeiro passo, você pode buscar músicas, aplicativos, e dicionários online para obter os sons das palavras. Para o segundo passo, você pode usar vídeos e dicionários para ajudar a aprender o alfabeto fonético internacional (IPA). Com essas ferramentas, você pode aprender como a pronúncia é no português e aplicar esse conhecimento no espanhol.

Como aprender espanhol por conta própria

Falar o espanhol pode ser um desafio e tanto. Mas com as técnicas e estratégias certas, fica muito mais fácil aprender essa língua estrangeira. (Foto: Cyclemas)

Como aprender espanhol pela internet? Evite traduções

O momento que você cortar o português completamente fora de seus estudos do espanhol é o momento que você começa a pensar em espanhol. Você pode fazer isso desde o primeiro dia. Começando com imagens e passando para definições simples, preenchendo fichas, fazendo anotações, usando programas e aplicativos. Você pode ensinar-se o vocabulário e gramática de uma língua sem o passo mental adicional de traduzir tudo que ler, e realmente construir a fluência em vez da capacidade de tradução. É mais difícil e demorado, mas esse processo ajuda mais na retenção de informações.

Aprender espanhol sozinho: use aplicativos para te ajudar na fluência

Há vários aplicativos que você pode usar para te ajudar no aprendizado de uma língua estrangeira como o espanhol. Duolingo, Anki, Lingua.ly, Khan Academy, entre muitos outros, são ferramentas comprovadamente eficientes para ajudar na memorização e consolidação do aprendizado de uma segunda língua. Use essas ferramentas com sabedoria e passe a memorizar cada vez mais conteúdos com facilidade.

Dicas para aprender espanhol: escolha um bom vocabulário

Aprender as primeiras mil palavras mais frequentes em uma língua permitirá que você leia 70% de cada texto que você encontrar, mas aprender as próximas mil só lhe darão 10% a mais dos textos e as próximas mil, mais 4%. Use isso a seu favor no aprendizado do espanhol. Aprenda mil ou duas mil palavras mais comuns de uma língua e, em seguida, personalize para suas próprias necessidades. Por que aprender o espanhol acadêmico se você só quer viajar e interagir com a população de um certo país? Por que aprender linguagem de negócios se você só quer ler artigos acadêmicos? Escolhendo seu vocabulário para atender às suas necessidades torna seu tempo de estudo muito mais eficiente.

Como falar espanhol fluentemente: passo a passo

Agora, em um passo a passo simples, vamos aprender como aprender o espanhol rapidamente, chegando á fluência rapidamente.

Primeiro passo:pronúncia correta do idioma.

Isso começa com o treinamento de seus ouvidos para ouvir os sons em espanhol, entendendo as combinações de palavras e depois aperfeiçoando sua pronúncia com a ajuda do IPA ou um bom livro de pronúncias em espanhol. Você deve conhecer os sons de seu idioma alvo, já que eles são diferentes do inglês, bem como todas as regras de pronúncia do idioma e as armadilhas de pronúncia por causa da interferência do português.

Segundo passo: vocabulário e gramática sem uso do português

Comece com uma lista de palavras básicas, uma lista de palavras extremamente freqüentes que são fáceis de visualizar. Coloque essas palavras em um caderno ou em flashcards para aprendê-las. Depois de ter algumas palavras memorizadas, comece a colocá-las juntas. Você pode usar o tradutores online e um livro de gramática para começar a fazer frases, mas certifique-se de só usar frases em espanhol, Então pegue tudo o que você escreveu, corrija, e transforme em novas anotações ou flashcards para memorização.  À medida que seu vocabulário e gramática crescem, mude para dicionários monolíngues e escreva suas próprias definições para palavras mais abstratas, verificando cada palavra que você está aprendendo. Quanto mais vocabulário e gramática você tiver, mais vocabulário e conceitos de gramática você poderá descrever em espanhol. Depois de ter absorvido a maior parte do material em um livro de gramática básica, passe para uma lista e comece a aprender a 1000 ou 2000 palavras mais comuns em espanhol, juntamente com qualquer vocabulário específico que você precisa para seus interesses particulares.

Terceiro passo: escuta, escrita, e leitura

Depois de ter um vocabulário decente e familiaridade com a gramática do espanhol, comece a escrever redações, diários, assistir programas de TV e leia livros em espanhol. Coloque cada correção de escrita em flashcards ou em um bloco de notas ou caderno, que continuarão a te acompanhar na construção do seu vocabulário e gramática em espanhol.

Quarto passo: prática

A partir do ponto onde você pode escrever fluentemente, encontre um ambiente físico ou online para mergulhar na língua e falar o tempo todo, sem poder usar o português. Algumas semanas em um país que fale espanhol vão funcionar muito bem se você for muito disciplinado em aprender o espanhol e não mudar para o português. Se você é extremamente rigoroso consigo mesmo, seu cérebro se adapta muito rapidamente e aprende a combinar tudo o que aprendeu nas outras fases do aprendizado do espanhol em um discurso fluente.

Como você está fazendo para aprender o espanhol? Quais estratégias você passou a adotar e que funcionam bem para seu aprendizado da segunda língua?