O medo de voar não é algo tão irracional assim. Se pensarmos bem, até o século passado, os seres humanos estavam fadados a viver bem próximos ao solo. Nossa genética, nossa cultura, nossa sociedade ainda está absorvendo esse comportamento. Algumas pessoas vão absorver mais rapidamente, outras mais lentamente, e muitas vão ficar com o medo de voar. Aprender esse comportamento de não ter o medo, e torná-lo algo natural, é um esforço que pode exigir várias etapas, procedimentos, e até medicamentos, em casos mais extremos.

Medo de voar: identifique os gatilhos do medo

Não é o voo em si que te deixa com medo de voar. São os chamados “gatilhos” que provocam o medo. Você deve descobrir o que provoca a reação de ansiedade. Pode ser o som das turbinas de aviões, a visão de um avião, ou mesmo a ação de sentar na poltrona de um avião. Para muitos a visão de um aeroporto já causa a ansiedade. Essa identificação vai ajudar a gerir as associações que seu cérebro criou, e os comportamentos que você adotou para lidar com essas reações biológicas.

Conheça melhor os seus gatilhos do medo de voar e trace uma estratégia para lidar com eles: cursos, terapias, e remédios podem ajudar

Ansiedade prospera na ignorância, e se alimenta sobre pensamentos catastróficos e muitas vezes, sobre reações biológicas sobre as quais não temos controle. Controlamos essas reações irracionais através dos fatos.

Cursos sobre aviação podem te educar sobre os procedimentos de segurança adotados em pousos e decolagens, bem como a tecnologia usada em aviões para a segurança de seus passageiros, tripulação, e pilotos. Cursos de coaching podem também ajudar a te condicionar a perder o medo de voar, em um processo bem natural.

A terapia, principalmente quando envolve o psicodrama, e a terapia cognitivo comportamental, vão ajudar bastante a tratar os gatilhos. Em conjunto a uma terapia com um psicólogo qualificado, um tratamento psiquiátrico com ansiolíticos vai ajudar a lidar com crises mais fortes, enquanto o tratamento de longa duração não surte efeito.

 

Medo de voar e ansiedade

A ansiedade é a maior responsável por causar o medo de voar. Ela é responsável por criar expectativas irracionais sobre o que pode vir a acontecer em um voo e, a partir daí, te paralisar em uma dada situação. (Foto: healmytrauma.info)

Antecipando sua ansiedade: separando o medo do perigo real de voar

A ansiedade antecipatória é o que experimentamos em antecipação de um medo. Muitas vezes, a ansiedade mais intensa você vai experimentar nos momentos antes de um voo, mas não é uma previsão exata de como você vai se sentir durante um voo. A ansiedade é frequentemente muito mais exagerada do que qualquer perigo que você realmente experimentará durante o voo.

É difícil separar a ansiedade do perigo, porque o seu corpo reage exatamente da mesma forma para ambos. Certifique-se de rotular o seu medo separadamente da ansiedade. Nisso, não há melhor aliado do que uma boa terapia, que vai te ajudar a conhecer e separar muito bem os medos de ansiedades.

Cursos para perder o medo de voar ajudam quem tem ansiedade leve

A ansiedade vai te enganar e te fazer pensar que está em perigo quando você está perfeitamente seguro. Sua intuição nestes casos será sempre te dizer-lhe para evitar o voo, mas se você seguir esses sentimentos, você vai ser sempre reforçar a sua ansiedade. Um curso ajuda a quem tem uma ansiedade leve a moderada a não reforçar esses sentimentos, e começar a combatê-los com a razão, entendendo o desconforto da ansiedade e acima de tudo, lidando melhor com os sintomas do medo.

A fobia de voar pode precisar de tratamento com remédios

Uma fobia de voar, que é o nível mais alto de medo de voar, vai precisar do uso de remédios para seu tratamento, assim como o suporte de uma equipe multidisciplinar, formada por um psicólogo e um psiquiatra, pelo menos. Outros profissionais que podem ser envolvidos no processo são coaches e profissionais do ramo de aviação que ministrem cursos técnicos sobre o voo, para te ajudar a perder o medo.

 

Exposição gradual ao seu medo: uma forma de lidar muito bem com o medo de voar

Tem medo de voar? Que tal então apenas ir a um restaurante perto de um aeroporto? Passar o dia vendo aviões decolando. Ou visitar um museu da aeronáutica. Depois, gradualmente, você pode passar a outras atividades. Talvez passear de parapente ou paragliding. Fazer um voo de curta distância com ajuda de ansiolíticos. Tudo isso são pequenos passos, semelhantes ao tratamento de quem tem medo de dirigir, mas extremamente importantes para te ajudar a vencer o medo de voar e conseguir, de uma vez por todas, ter mais tranquilidade ao sentar em uma poltrona de avião.

Você tem medo de voar ou tinha medo? Como faz ou fez para lidar com esse medo? Faz cursos ou terapia para tratar?