Trabalhar em três dimensões pode ser um desafio artístico interessante. Se você quer começar a esculpir com argila, arame, ou mesmo papel, os princípios da escultura são os mesmos. E nós vamos te ajudar com o guia básico.

Esculturas de argila, arame ou papel para iniciantes?

Existem vários tipos de argila usados ​​para escultura, variando em termos de dureza e acabamento. A argila de modelagem baseada em óleo pode parecer não refinada e ser complicada para um trabalho detalhado, mas permanece macia e viável de manipular, tornando-se boa pra praticar. A argila de modelagem baseada em polímeros é igualmente macia e pode ser cozida em um forno doméstico para consertar uma composição. Pode ser propenso a rachar, no entanto. Online, você pode encontrar várias lojas especializadas vendendo a argila como “clay” em várias durezas diferentes. O arame você pode simplesmente ir comprar em uma loja de materiais de construção qualquer. Para escupir com papel, é bom começar com uma boa receita de papel machê, para ficar mais fácil no procedimento.

O arame é o material mais difícil de esculpir, a não ser que você queira fazer apenas silhuetas. A clay é o material mais fácil e o papel é o material intermediário. Recomendamos que você comece trabalhando com a clay de uma maciez à sua escolha, mas você pode usar qualquer material para começar.

Escultura em argila, papel e arame: paciência é a chave

Trabalhar em três dimensões levará algum tempo para se acostumar. Se você está criando uma escultura em 3D para sua casa, considere a direção em que será mais comumente vista e tente garantir que, se sua primeira tentativa não for perfeita de todos os ângulos, ela ficará, pelo menos, boa em uma posição. A outra alternativa é tentar uma escultura em relevo construindo formas em um bloco plano de clay que não será visto de todos os lados. Com o papel e arame, é  mesma coisa, e as técnicas só vão aparecendo com o tempo.

Como começar a esculpir

Começar a esculpir exige um pouco de prática de observação e dedicação para aperfeiçoar suas técnicas e obter melhores resultados. (Foto: Tested)

Técnicas para escultura em argila, papel e arame

Aqui estão cinco dicas úteis para ajudá-lo a começar a trabalhar com as esculturas nos diferentes materiais

Entenda a peça final

Antes de começar, é sempre uma boa ideia ter uma visão clara de como você quer que a escultura final se pareça. Faça esboços de vários pontos de vista e projeções imaginados. Considere as dimensões das formas principais e as proporções entre os comprimentos. Use imagens de vários ângulos para te ajudar a decidir como vai ficar o resultado final. Observe as formas geométricas que vão estar na sua escultura, e pense nelas como as primeiras coisas que você vai fazer. Esse processo se chama blocagem, que é construir a estrutura básica de sua escultura. A observação é o mais importante aqui, e algo que você terá de aperfeiçoar sempre quando estiver esculpindo

Amoleça o material

O material seco será difícil de trabalhar. Para obter o melhor desempenho possível, você precisará amolecer o material. Para a clay, principalmente a composta de polímeros (melhor para trabalhar), você pode usar um forno de luz para amolecer a massa. Clays à base de água precisam desse material para serem amolecidas. Esculturas de papel precisam simplesmente de água para amolecerem, mas em pequenas quantidades. Use um borrifador ou até um conta gotas para amolecer o material. Arame pode ser manipulado com ferramentas ou manualmente, sem necessidade de outros meios para torná-lo maleável.

Crie formas inteligentes

Se você está trabalhando sem muitas ferramentas e equipamentos ainda existem várias maneiras simples de construir suas esculturas. Você pode e deve aprender a usar ao máximo seus dedos, moldando as estruturas base com eles. Depois, compre algumas ferramentas básicas para esculpir e começar com o pé direito na sua habilidade com esculturas. O importante aqui é ir conhecendo as técnicas básicas para moldar suas esculturas da forma que julgar melhor.

Evite formas muito complexas

Você pode ter visto escultores mais avançados criarem figuras com pernas estendidas, mas as chances são de que eles já tem muito tempo de prática para criar tais estruturas. O que você precisa é começar com o básico, como formas de rosto, mãos, corpos, sem focar em detalhes demais. O que importa aqui é construir uma escultura que se assemelhe com a forma final desejada. Não fique chateado se as coisa não saírem como você planejou: esse é o propósito de estar aprendendo a esculpir.

Procure um professor de escultura

Embora algumas habilidades artísticas possam ser aprendidas através da observação, da prática, e de assistir vídeos e ler tutoriais, os aspectos mais avançados da escultura em argila podem ser complicados e precisam de orientação especializada. Procure cursos ou estúdios locais com aulas de escultores profissionais que vão oferecer os melhores ensinamentos para aperfeiçoar suas técnicas. Você verá uma grande evolução no que é capaz de fazer.

Como você pratica escultura? Como começou e como faz para aperfeiçoar suas técnicas?