O ar tem peso?

Escrito na categoria "Geral" por André M. Coelho.

Quando você fica no meio de um playground ou sentado na sala de aula, há um imenso peso sobre sua cabeça, mas você não o sente! Esse é o peso da atmosfera, ou do ar, como o conhecemos. Então mesmo que você não possa vê-lo, ele continua tendo aspectos físicos como cheiro e também, peso. Mas qual é o peso do ar?

Composição do ar

Composto de nitrogênio, oxigênio, dióxido de carbono e outros gases, envolve a terra como um envelope. E se estende quase mil quilômetros acima da superfície da Terra.

Como todas as outras substâncias, o ar também tem peso. Imagine, na verdade, estamos falando de uma coluna de ar de mil quilômetros de altura acima de nossas cabeças. Isso é conhecido como pressão atmosférica. Essas substâncias, assim como diversas outras partículas, se espalham pela atmosfera e seu lar.

Peso do ar

O ar pode ser pesado com experimentos ou com o equipamento apropriado. (Foto: Amazon.in)

Por que nossos ossos não são esmagados com o peso do ar?

Nossos corpos têm uma pressão interna, que contraria a pressão atmosférica e, no processo, a equilibra. Essa pressão interna é essencial para a nossa sobrevivência.

Uma pequena mudança na pressão atmosférica pode nos fazer sentir doentes. Esta é a razão pela qual os alpinistas adoecem em grandes altitudes. À medida que subimos, o ar se torna fino e, portanto, a pressão atmosférica também diminui.

É um dos motivos para muitos esportistas precisam de alguns dias de adaptação quando vão competir em lugares de altitude maior. Isso permite que o corpo dos esportistas se adapte.

Quanto pesa o ar?

Primeiro, precisamos entender como o ar é pesado. Ele é medido como peso da atmosfera para uma determinada área. Ou, a quantidade de peso em uma área pequena, como um centímetro. Em 1643, Evangelista Torricelli, um matemático italiano, inventou um instrumento para medir a pressão atmosférica. É chamado de barômetro. E é, basicamente, uma balança para que possamos pesar o ar atmosférico.

Um barômetro consiste em um tubo vazio do qual o ar foi retirado. Este tubo é invertido em um prato de mercúrio. Como o prato de mercúrio é submetido à pressão do ar acima dele, parte do mercúrio é empurrada para dentro do tubo.

O nível em que o mercúrio sobe é medido em polegadas e isso indica a pressão atmosférica. Em um dia claro (nuvens e ventos fortes podem alterar a pressão atmosférica), ao nível do mar, o mercúrio sobe a uma altura de 29,792 polegadas (76 centímetros) em um barômetro. Isso é igual a 14,70 libras (6,6 kg) por polegada quadrada de área. Portanto, ao nível do mar, carregamos cerca de 6,6 kg de peso em cada centímetro do corpo.

Experimentos de física para pesar o ar

Você pode pesar o ar com experimentos simples de física. Usando 3 cordas, uma vareta e dois balões, você pode pesar os balões. Meça a distância entre as pontas da vareta e marque o meio dela. Amarre uma cordinha no meio da vareta. e duas outras cordas nas pontas. Verifique se a vareta fica reta ao puxar pela cordinha no meio, garantindo que está tudo equilibrado.

Encha então um dos balões com mais ar, e outro com menos ar. Coloque nas pontas das varetas. Você estará então medindo o peso do ar em cada um dos balões.

Simples, e prático. E que outros experimentos vocês acham legais?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André é formado em pedagogia e gosta de educar e aprender. Encontrou através do blog Palpite Digital BR uma maneira de repassar seus conhecimentos e aprender mais sobre diversos tópicos. Além disso, ele também é um entusiasta de jogos digitais, tendo começado com um Master System 3 no início da década de 90 e indo pro mundo dos computadores ao final da década. Desde então, não parou mais e continua jogando, aprendendo, e ensinando.