Você se lembra de como era quando você era uma criança? Qual foi a sua principal atividade? Foi trabalhar? Claro que não. Sua principal atividade estava em passar o dia brincando. Você não tinha preocupações. Você precisava de brinquedos e de seus pais, que te davam cada um deles para brincar. Eles tinham de encontrar brinquedos que você não iria jogar fora e, acreditem, não foi fácil para eles.

Agora você é um pai e você está na mesma situação. Você está à procura de brinquedos que seu filho vai gostar. É por isso que você deve saber como escolher os brinquedos certos. Um erro comum dos pais está em comprar brinquedos que eles consideram maravilhosos. Mas, geralmente, quando eles dão o brinquedo, a criança nem encosta nele direito. Não é divertido para eles ver como um brinquedo pode ficar esquecido no armário com facilidade.

Como descobrir qual é o brinquedo certo para seu filho?

Em primeiro lugar, esqueça esse papo de lojas de brinquedos mais baratas ou caros. É fácil comparar os preços em sites como o Buscapé e o BondFaro. Mas lembre-se que crianças são seres sensoriais e muito impacientes. Portanto você vai ter que levá-los às lojas para experimentar os brinquedos e assim, saber um pouco mais das preferências de seus filhos. Só aprenda a controlá-los, pois quando eles gostarem de algo vão querer que você compre na hora. E é aí que tem que começar os limites dos pais quanto à impulsividade das crianças.

Para as surpresas e já ter uma ideia dos gostos de seu filhote, basta ver o seu filho de perto para determinar suas atividades preferidas, nível de habilidades, banda(s) preferida(s) e filme(s). Com base nestas observações, você pode ter uma pista sobre quais os tipos de brinquedos do seu filho prefere. Por exemplo, se o seu filho ama Senhor dos Anéis, eu aposto que ele também gosta de brinquedos do Senhor do Anéis.

Agora, não é para entrar na loja de brinquedos e comprar o primeiro brinquedo Senhor dos Anéis que você encontrar. Observações não são suficientes. Há alguns outros fatores muito importantes que você deve considerar. Adicione-os na equação para garantir que o seu filho vai ter muita diversão com o brinquedo que você vai escolher para comprar para ele.

Brinquedos para crianças

Escolher um brinquedo para seu filho deve levar em conta muito mais do que apenas seu orçamento. (Foto: foxbusiness.com)

Fatores na escolha do brinquedo

  • A idade da criança – Isso é muito importante. Se você comprar brinquedos muito avançados para a idade da criança, as chances são de que ele pode se machucar. Fabricantes de brinquedos se esforçam para tornar seus produtos mais seguros possíveis, mas se você não seguir as recomendações, a criança pode sofrer. Por outro lado, se você comprar brinquedos feitos para crianças com idade inferior a de seu filho, ele vai considerá-los muito chatos. A melhor coisa a fazer é escolher os brinquedos destinados precisamente para a idade do seu filho.
  • Sexo da criança – Qualquer detalhe que pode fazer o seu filho olhar para um brinquedo como sendo do outro sexo do que a de seu filho vai fazer o brinquedo indesejado. E se seu filho gosta de brinquedos de menina e sua filha gosta de brinquedos de menina, não se impeça de comprar tais brinquedos. A criança tem que formar sua própria identidade e os pais tem que apresentar estímulos de várias formas diferentes para que ela tome decisões independentes como indivíduo.
  • Brinquedos dos amigos – Quando a criança está brincando com os amigos, veja se ela manifesta interesse em algum dos brinquedos do companheiro. Se ela se interessar, então é muito provável que ele gostaria de ter um brinquedo semelhante ao do amigo. Você pode pensar também em brinquedos cooperativos, daqueles que várias crianças podem brincar ao mesmo tempo.
  • Às vezes, uma criança diz a seus pais que brinquedo ele gosta ou quer, poupando-os de muito trabalho duro. Mas não conte com isso. Algumas crianças não estão muito interessados ​​em conversar com os pais, a menos que eles realmente queiram um determinado brinquedo.
  • Segurança – Este é o fator mais importante que você deve considerar sempre que você precisar decidir o que você deve comprar para seu filho. Infelizmente, este é também um dos mais negligenciados. Normalmente, os pais se esquecem de verificar se o brinquedo que escolhem para os seus filhos são seguros.
  • O brinquedo é educativo? – É uma coisa boa se os brinquedos que você escolher para o seu filho podem ajudá-lo a desenvolver novas habilidades. Mas não compre só brinquedos desse tipo ou você só estará sendo mais um pai chato, que não dá asas para a imaginação de seu filho.

Lembre-se que a diferença de idade entre você e seu filho é de pelo menos 20 anos. O fato de que você gostava de um brinquedo quando você era uma criança não significa que o seu filho vai adorar também. Crianças de diferentes gerações, gostam de diferentes tipos de brinquedos.

Pensamentos finais

Sei que nosso título acaba escapando um pouco sobre o que falamos no artigo. Porém, lojas baratas de brinquedos estão quase sempre associadas a produtos inseguros, de origem duvidosa e com baixa durabilidade. Mesmo que você compre menos brinquedos, prefira sempre pesquisar um pouco mais pelos produtos originais e em lojas de boa qualidade. O barato aqui pode sair muito caro.